Llámanos al 956 261 604
o
¿Prefieres que te llamemos gratis?
Indique-nos os seus dados pessoais e assim que possível um profissional irá entrar em contacto consigo.
Enviar

Guia de manutenção MINI

Guia de manutenção MINI

Confira o nosso guia de manutenção MINI e contribua para uma maior longevidade do seu carro. Para o veículo durar e usufruir do seu potencial ao máximo, uma manutenção cuidada e adequada às suas características é sempre essencial. Confira, então, alguns cuidados a ter com o Mini.

1. Mudar o óleo

No motor Mini Cooper, a mudança de óleo é recomendada e é essencial para garantir que o carro dê o seu máximo. Além disso, é também importante para assegurar a eficiência do combustível e, consequentemente, pagar menos de abastecimento.
Fatores relacionados com o uso, podem contribuir para a corrosão e desgaste do motor do MINI. Assim sendo, mudar o óleo será uma forma de proteger os componentes, aumentando a vida útil do motor.

2. Especificidade do motor MINI Cooper

Uma das características da gama MINI é o seu motor, cuja mecânica é a mesma da BMW. Porém, a disposição do motor é bastante particular, já que se situa debaixo do capô do carro, encontrando-se num cofre e sendo composta por vários elementos. Por esta razão, é importante recorrer a mão-de-obra especializada e com experiência neste tipo de veículo.

Talvez por isto, os motores e a manutenção MINI Cooper tenham a fama de “difíceis” e até de caras! Contudo, na prática e segundo os especialistas, com a devida manutenção, o motor MINI Cooper está longe de dar muitos problemas.

Num carro MINI, todos os elementos contribuem para a personalidade do veículo e obviamente que isso se estende também às peças do Mini. O facto de ser um modelo específico faz com que, se precisar de substituir peças, possa ter de esperar mais, pois pode ser preciso importá-las.

Verá que valerá a pena o esforço! Não se esqueça que a qualidade das peças, assim como a sua originalidade são essenciais para valorizar e contribuir para o carisma do veículo. Por isso, nunca descure esse detalhe!

4. Desgaste dos pneus

São vários os fatores que podem contribuir para o desgaste dos pneus do MINI, desde o tipo de condução ao solo por onde mais circula. E mesmo sendo mais um carro mais de cidade, o MINI não fica alheio a estes problemas.

Para os detetar a tempo, fique atento: confira se nos pneus há zonas mais desgastadas do que outras. Se notar um desgaste maior na parte lateral, pode ser um problema de pressão. Já quando o desgaste se verifica mais no lado interno ou externo, possivelmente trata-se de uma questão relacionada com o alinhamento da suspensão.

Calibragem no MINI Cooper

Nestes casos, poderá fazer a calibragem, de modo a que o desgaste seja uniforme. Desta forma, irá poupar no combustível e ainda evitar o desgaste prematuro dos pneus. Aqui ficam as nossas dicas para uma calibragem bem-sucedida no Mini:

5. Ar condicionado do MINI

Para uma boa manutenção do sistema de ar condicionado, o truque é fazer um bom uso do mesmo. Nesse sentido, explicamos-lhe aqui, passo a passo, como o deve utilizar:

  1. Lembre-se: o ar condicionado deve ser usado para chegar a uma temperatura confortável. Ou seja, no inverno não precisa de estar de manga curta no carro.
  2. Cinco minutos antes de chegar ao destino, desligue-o.
  3. Faça-o mantendo o ventilador ligado no máximo. Deste modo, secará o sistema de ar e evitará o acumular de bactérias. Com isto, não só estará a contribuir para uma boa manutenção do ar condicionado, como também para acabar com os maus cheiros no carro.

Independente do valor do serviço de manutenção MINI Cooper, há pequenas coisas que pode fazer no seu dia-a-dia para aumentar a longevidade do automóvel. Se notar algum problema, tente resolvê-lo na hora. Isto é importante para evitar que o problema aumente, acabando por se revelar mais custoso e até causando danos maiores, já para não falar das questões de segurança!

;

Outras Notícias

MINI Vision Urbanaut

Qual o motor do MINI Cooper ideal para si?

Assim é o futuro dos carros elétricos MINI